Bem vindos a Que cozinhamos hoje

Obrigado por visitarem o meu blog! Espero que desde este momento em diante ele passe a ser um pouquinho de cada um de vocês também e que juntos possamos aprender muitas coisas.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Callos a Galega

Este é um prato que eu adoro! me lembra muito a nossa dobradinha (receita que leva feijão branco e bucho de boi), só que com o grão-de-bico fica muito mais saboroso. É uma receita típica aqui da Galícia e quando faz frio (quase sempre!) é comum que os bares sirvam uma pequena porção desta iguaria a quem tome alguma bebida (pode ser até um refrigerante)... Já o havia feito algumas vezes aqui em casa mas nunca me saiu tão delicioso como desta vez. Afinal dei com a receita certa! Depois de duas ou três tentativas (que não estiveram más, que conste!) encontrei o blog da Maria Luiza o Cocinando para los mios que trazia tudo bem detalhado, com fotos, bem explicadinho... apesar de que não fiz tudo ao pé da letra, creio que o essencial da coisa eu peguei, por isso me saiu tão bom! Esta receita já não perco mais! Espero que provem e me contem o que acharam...

Ingredientes:
500g de bucho bovino
1 pata de boi
1 pata de porco
1 kg de grão-de-bico
2 linguiças
100g de bacon
100g de toucinho
1 cebola
1 cabeça de alho inteira
1 ramo de salsinha
3 cravos
3 colheres de sopa de páprika doce
1 colher de sobremesa de páprika picante
Cominho a gosto (mais ou menos 1 colher de sopa)
Sal a gosto
1/2 cebola picada
1/2 pimentão vermelho picado

Preparo:
Na noite anterior, limpamos muito bem o bucho bovino e o deixamos de remolho em água com limão e vinagre até o dia seguinte. É então, quando o lavamos de novo, escorremos e picamos. (Atenção!! Se o bucho continuar com um cheiro muito forte, aconselho colocá-lo em água limpa e dar uma fervidinha, repetindo este processo até que não haja mais cheiro).

Também na noite anterior colocamos os grãos-de-bico de remolho em água quente. No dia seguinte os lavamos e escorremos.
Em uma panela bem grande colocamos o bucho, as patas, o bacon, o toucinho e cobrimos com água fria, incorporamos a cebola inteira com os três cravos presos a ela, a cabeza de alho inteira e com pele e o ramo de salsinha (tudo isso podemos enrolar em uma gase para que depois seja mais fácil de retirar-los).

Levamos ao fogo e deixamos por mais ou menos uma hora ou até que as patas comecem a estar macias.

Passado este tempo, adicionamos os grãos-de-bico e as linguiças cortadas em rodelas. Deixamos cozinhar a fogo lento.

À parte, refogamos a cebola picada junto com o pimentão. Depois de refogado, baixamos o fogo e acrescentamos as páprikas. Misturamos bem e retiramos do fogo.

Quando os grãos-de-bico estiverem quase cozidos retiramos a cebola inteira (desprezamos os cravos), a cabeza de alho(que devemos despelar) e a salsinha que haviamos colocado a cozinhar e colocamos tudo no liquidificador junto com a cebola e o pimentão refogado. Adicionamos uma concha de grãos-de-bico e um pouco do líquido do cozimento.

Trituramos tudo e adicionamos à panela junto com o cominho e o sal.

Deixamos terminar de cozinhar. O caldo deve ficar bem espessinho, para isso podemo adicionar duas ou três colheres de farinha de rosca se necessário. No meu caso, só com os grãos-de-bico triturados já me deu o ponto desejado.

4 comentários:

  1. Ana faz tanto que não como dobradinha, confesso que nunca fiz com grão de bico e pela foto deve ter ficado ótima....hummm deu água na boca. bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Edi, fica uma maravilha! Prove e verás. Beijinhos.

      Excluir
  2. Pero que bueno!!! Ahora mismo me tomaba un platito. Saludos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gracias Mª Luisa! Ya sabes de donde viene la inspiración. De tu blog! Besitos.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...